Xilogravuras e gravuras em metal em São Bento do Sapucaí

Tesouros da Mantiqueira foi um projeto de vivência e imersão artística que visou a produção de uma série de gravuras sobre as comunidades de São Pedro e de São Paulo, localizadas no município de São Bento do Sapucaí, no estado de São Paulo, limite com Minas Gerais.

Foi uma ação marcante que contribuiu para reafirmar a importância da cultura caipira e do modo de vida nas comunidades rurais, lançando luz na diversidade de meios de habitar e conviver. Com inclusão cultural e social das pessoas desse núcleo, seja na prática de atividades artísticas (oficinas de gravura), seja na discussão e difusão do tema dentro dos núcleos urbanos (da própria São Bento do Sapucaí, São Paulo e Campos do Jordão), através de exposições e encontros com os artistas.

Iniciado em fevereiro de 2015 até novembro do mesmo ano.

Projeto de Samuel Ornelas e Rafael Kenji realizado através de incentivo da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo (ProAC).

Apoio: Atelier PiratiningaSérgio Kal ( Sapien Design )Yvens Giacomini ( Superaura Artes Visuais ).

 

Neste site estão registradas algumas das nossas experiências do dia-a-dia vividas na região. Estávamos situados em uma casa amarela aos pés da Pedra do Baú, onde montamos um singelo atelier de desenho e gravura. Ela foi nossa base, partimos dela para caminhadas e andanças, prontos com os materiais necessários para o trabalho ao ar livre, e a ela voltávamos, para nos dedicar com maior profundidade ao processo de gravação das matrizes.

E foi nesse vai e vem que o projeto realmente aconteceu. E para não perder esses momentos, deixamos registrados em Diário de Bordo algumas palavras que nos vieram como anotações e pensamentos. As postagens mais recentes ficam no topo da página e as antigas ao final.

Em Galeria, estão as fotos separadas por mês em que foram tiradas.

Em Gravuras estão todas as obras produzidas.

E você pode visitar os nossos sites pessoais clicando na guia com os nossos nomes Samuel Ornelas e Rafael Kenji.

Esperamos que você “navegue” por esse percurso e que a gente tenha conseguido mostrar um pouquinho das belezas desse lugar!

Grande abraço!